A Disciplina livra a criança da morte

Disciplina sempre visa o bem estar do filho. Não visa punição, mas criação.
Transcrito

Pv.23:13 diz que a disciplina como a vara não matará a criança. Muito pelo contrário. Poupará a sua vida de uma morte prematura ( Pv.19:18 ) e possivelmente de uma eternidade no inferno: “Tu a fustigarás com a vara e livrará a sua alma do inferno” Pv. 23:14.
Disciplina sempre visa o bem estar do filho. Não visa punição, mas criação.
O fruto de disciplina dos filhos é um lar tranqüilo – “Corrige o teu filho, e te dará descanso, dará delícias a tua alma” Pv. 29:17.
Quem não quer ter filhos sob controle? Quem não quer ter paz no lar? A correção agora, mesmo que custe e cause dor, trará inúmeros benefícios aos pais e ao filho. Que alvo desejável! Que princípio encorajador! Vale a pena, papai! Vale a pena, mamãe! Corrijam agora, e recebam descanso depois.

Princípios de Disciplina:

1 – Disciplina segue instrução clara e objetiva.

2 – É uma expressão de amor.

3 – Tem de ser administrada com diligência e coerência.

4 – Não deve machucar ou ferir a criança, mas causar uma certa dor temporária.

5 – Disciplina visa restauração e correção, não punição.

6 – Deve incluir o uso da vara, embora outras formas de disciplina talvez sejam apropriadas em certos casos.

7 – Disciplina é necessária por causa da natureza pecaminosa da criança.

8 – Poupará a vida (alma) da criança da morte.

9 – Disciplina apropriada não prejudica a criança.

10- Dará uma vida de paz e sucesso aos pais e filhos.

Exige coragem ter filhos? Talvez, mas exige muito mais. Exige bom senso para seguir o padrão bíblico. Quem precisa de coragem são os pais que preferem fazer as coisas “do seu jeito”, ignorando o conselho claro da Palavra de Deus.

A mãe que agrada a Deus

Para Deus, como é ser Mãe que seja agradável?
Simone Ferreira Vinhola

O que significa “agradar”? Segundo Aurélio, agradar é: 1. Satisfazer o gosto de; 2. Causar prazer, satisfação; 3. Manifestar carinho, amor; 4. Causar satisfação. E para Deus, como é ser Mãe que seja agradável?

  1. A MÃE QUE AGRADA A DEUS É AQUELA QUE TEME AO SENHOR e Jesus é o seu Salvador. (Ela pode ensinar com propriedade os caminhos da vida eterna)
    A mãe que teme ao Senhor será louvada.
    Pv 31.30 “Enganosa é a beleza e vã a formosura, mas a mulher que teme ao Senhor, essa sim será louvada”.
    A mãe que teme ao Senhor é feliz. (Faz o serviço com alegria, ela cuida do “ Tiago” com zelo)
  2. A MÃE QUE AGRADA A DEUS É AQUELA QUE ENTREGA AO SENHOR A VIDA DA SUA FAMÍLIA E ABENÇOA.
    Essa mãe não tem orgulho nem vergonha coloca diante do altar do Senhor as necessidades e as “impossibilidades” de sua família. (Quando tiver momentos difíceis não esqueça de pedir ajuda do Alto)
    A mãe que agrada ao Senhor sabe que é Deus e não ela que mantém a unidade na sua família.
    A mãe que agrada ao Senhor sabe que a salvação do seu lar vem do Senhor e não de suas próprias forças.
    Sl 127.1 “Se o Senhor não edificar a casa em vão trabalham os que a edificam…”.
    Ela sabe que o livramento da sua família vem do Senhor
    Sl 127.1 “…Se o Senhor não guardar a cidade em vão vigia a sentinela”.
  3. A MÃE QUE AGRADA A DEUS É AQUELA QUE É OBEDIENTE…
    FL. 2:13 “Porque Deus é quem efetua em vós tanto o querer como o realizar, segundo a sua boa vontade”. Obedecer (ou não) é escolha nossa, mas, Deus quer que a gente tenha essa submissão voluntária.(como vamos ensinar se não nos submetemos)
  4. A MÃE QUE AGRADA A DEUS É AQUELA QUE É SÁBIA
    Pv. 14:1 “Toda mulher sábia edifica a sua casa; a insensata, porém, derruba-a com as suas mãos”.
    Pv. 19:14 “Casa e riquezas são herdadas dos pais; mas a mulher prudente vem do Senhor”. (devemos pedir sabedoria, ser boas ouvintes…)
  5. A MÃE QUE AGRADA A DEUS É AQUELA QUE TEM UMA VIDA DE ORAÇÃO.
    A mãe ora pelos seus filhos.(ensina nos caminhos que deve andar)
    Pv 22.6 “Ensina a criança no caminho em que deve andar e, quando ficar velho, não se esquecerá dele”.
    Sl. 127:3 “Eis que os filhos são herança do Senhor, e o fruto do seu ventre o seu galardão”.
    Também ora pelo seu marido e intercede pelos seus familiares.
  6. A MÃE QUE AGRADA A DEUS É AQUELA QUE CRÊ NA RECOMPENSA DO SENHOR.
    Receberá o galardão porque serviu ao Senhor.
    Cl 3.24 “Sabendo que do Senhor recebereis a recompensa da herança, porque a Cristo, o Senhor, é que estais servindo”.
    Receberá o galardão porque agradou ao Senhor
    Sl 37.4 “Agrada-te do Senhor e ele concederá os desejos do teu coração”.
    Receberá o seu galardão porque foi fiel ao seu Deus.
    Ap 2.10 “Sê fiel até à morte e recebereis a coroa da vida”.
  7. A MÃE QUE AGRADA A DEUS É AQUELA QUE TEM DOMÍNIO PRÓPRIO.
    Pv. 25:28 “Como cidade derrubada sem muros, assim é aquele que não tem domínio próprio”.
    A mãe que agrada ao Senhor é mansa e trata com gentileza seus filhos e sua família.(vc consegue imaginar uma família briguenta!)

Exemplos de mães: Ana em 1 Samuel 1;2;3
Moisés, filho de Joquebede. Êxodo 2: 1 – 10
Maria foi escolhida para tão nobre missão porque era justa e reta aos olhos do Senhor. “Eis aqui a serva do Senhor. Cumpra-se em mim segundo a tua palavra”.(Lucas 1.38).

II Timóteo 1:5. “Trazendo à memória a fé não fingida que há em ti, a qual habitou primeiro em tua avó Loide, e em tua mãe Eunice”. Essas duas mães e avó desempenharam um papel muito importante em levar Timóteo a Jesus.