Uma Vida com Propósitos – Dia 7

A RAZÃO DE TUDO

 

Tudo é para ele!

 

” E assim continuamos a orar por vocês, a fim de que o nosso Deus faça de vocês a espécie de filhos que Ele deseja ter – e os faça bons ao ponto em que vocês gostariam de poder chegar – recompensando-lhes a fé com o seu poder. Então, todo o mundo louvará o nome do Senhor Jesus Cristo por causa dos resultados que eles vêem em vocês; e a maior glória de vocês será a de pertencerem a Ele. A terna misericórdia do nosso Deus e do Senhor Jesus Cristo tornou tudo isto possível a vocês.” 2 Tessalonicenses 1:11-12 BV

 

O objetivo fundamental do universo é demonstrar a glória de Deus. Essa é a razão de tudo que existe, incluindo você. Deus fez tudo isso para a glória dele. Não fosse a glória de Deus, não haveria nada.

 

A glória de Deus é o que ele é. É a essência de sua natureza, o peso de sua importância, o brilho de seu esplendor, a demonstração de seu poder e o ambiente de sua presença. A glória de Deus é mais bem observada em Jesus Cristo. Ele, a Luz do mundo, esclarece a natureza de Deus. Graças a Jesus, já não somos ignorantes a respeito de quem Deus realmente é.

 

Existem muitas formas de dar glória a Deus, mas elas podem ser resumidas nos cinco propósitos que ele estabeleceu para sua vida. Nós damos glória a Deus ao adorá-lo, ao amar outros crentes, ao nos tornarmos como Cristo, servindo a outras pessoas como nossos dons, e falando dele às outras pessoas.

 

Este é o momento de definer essa questão: “Para quem você irá viver: para si ou para Deus?”. Neste exato momento, Deus o está convidando a viver para sua glória, cumprindo os propósitos que ele estabeleceu para você. A vida verdadeira começa quando você se compromete completamente com Jesus Cristo.

 

Se você não está seguro de ter feito isso, tudo que você precisa fazer é receber e acreditar. A Bíblia deixa clara a promessa “aos que o receberam, aos que creram em seu nome, deu-lhes o direito de se tornarem filhos de Deus.” João 1:12 (NIV)

 

Vai aceitar a oferta de Deus? Tenho um ótimo dia!!

Uma Vida com Propósitos – Dia 6

“Senhor, lembra-me de quão breve é o meu tempo na terra,. Lembra-me que meus dias estão numerados e que a minha vida está indo embora.” Salmos 39:4 (NLT)

 

Para usar sua vida da melhor forma possível, você não deve nunca esquecer de duas verdades:

 

– Primeira: em comparação com a eternidade, a vida é extremamente breve.

 

– Segunda: a terra é apenas uma residência temporária. Você não ficará aqui por muito tempo, então não fique muito apegado.

 

Para impedir que fiquemos muito apegados à terra, Deus nos permite sentir uma substancial quantidade de descontentamentos e desgostos na vida – anseios que jamais serão satisfeitos deste lado da eternidade. Não somos completamente felizes porque não era para sermos! A terra não é o nosso lar definitivo; fomos criados para algo muito melhor.

 

Aos olhos de Deus, os maiores heróis da fé não são os que alcançam prosperidade, sucesso e poder nesta vida, mas os que trataram esta vida como uma atribuição temporária e serviram fielmente, aguardando a recompensa que lhes foi prometida na eternidade.

 

Quando a vida fica difícil e vocé é subjugado pelas dúvidas, ou quando fica imaginando se viver para Cristo vale o esforço, lembre-se de que você ainda não chegou na sua casa. Na morte, você não vai abandonar sua casa – você vai para casa, seu verdadeiro lar;tenha um dia abençoado!

 

Uma Vida com Propósitos – Dia 5

O modo de você enxergar sua vida molda sua vida!

Sua velada metáfora da vida influencia sua vida mais do que você percebe. Ela determina suas esperanças, valores, relacionamentos, metas e prioridades. Para cumprir os propósitos que Deus lhe deu, você terá de contester o pensamento convencional e substituí-lo pelas metáforas bíblicas da vida. Elas sao: A vida é um teste, e a vida é uma imcubência de confiança.
A VIDA É UM TESTE – Deus continuamente testa as pessoas quanto ao caráter, fé, obediência, amor, honestidade e lealdade. Seu caráter é desenvolvido e também revelado, e a vida toda é um teste. Uma vez que tenha compreeendido que a vida é um teste, você percebe que cada dia é importante. Deus quer que você passe nos testes da vida, então ele jamais permitirá que você enfrente testes maiores que a graça que ele lhe concede para lidar com eles.
A VIDA É UM INCUMBÊNCIA DE CONFIANÇA – Nós somos mordomos de tudo quanto Deus nos dá. Tudo de que nós desfrutamos deve ser tratado como uma incumbência de confiança que Deus nos pôs nas mãos. Se você trata tudo como incumbência de confiança, Deus promote três recompensas eternas: reconhecimento de Deus, promoção (responsabilidade maior na eternidade) e comemoração (celebração).

“A menos que você seja fiel nas pequenas coisas, você não será fiel nas grandes.” Lucas 16:10a (NLT) tenha um ótimo dia!!

Uma Vida com Propósitos – Dia 4

CRIADO PARA SER ETERNO

Esta vida não é tudo o que há!
“Deus tem … plantado a eternidade no coração humano” Eclesiastes 3:11 (NLT)
A vida na terra é apenas um ensaio geral, antes da verdadeira produção. Você vai passar muito mais tempo no outro lado da morte – na eternidade – do que voce vai passar aqui. Esta vida é preparação para a próxima.
Você tem um impulso inato de ansiar pela imortalidade. Isso ocorre porque Deus o projetou à sua imagem, para viver eternamente. Embora saibamos que com o tempo todos morremos, a morte sempre parece anormal e injusta. A razão pela qual sentimos que deveríamos viver para sempre é que Deus condicionou nossa mente com esse desejo!

“É necessário que o assunto de cada dia seja preparer-se para o nosso ultimo dia.”
Tenha um ótimo dia!!!

Uma Vida com Propósitos – Dia 3

O QUE DIRIGE SUA VIDA
Todo e qualquer indivíduo tem sua vida dirigida por algo!

“Percebi que o que faz os homens correrem atrás do sucesso é a inveja.” Eclesiastes 4:4 (BV)

Qual é a força que dirige sua vida?

Sem um propósito, a vida é um movimento sem sentido, uma atividade sem direção e acontecimentos sem motivo. Existem cinco grandes vantagens em se levar uma vida dirigida por propósitos:

– Conhecer o propósito de sua vida faz que ela tenha sentido
– Simplifica sua vida
– Direciona sua vida
– Estimula sua vida
– E conhecer seu propósito o prepara para a eternidade

Muitas pessoas vivem para criar um legado na terra. Uma utilização mais sábia do tempo é construir um legado eterno. Você não foi posto na terra para ser lembrado. Você foi posto aqui na terra para se preparar para a eternidade.

Uma Vida com Propósitos – Dia 2

Você não é um acidente!

Seu nascimento não foi um erro ou um infortúnio, e sua vida não é um acaso da natureza. Seus pais podem não tê-lo planejado, mas Deus certamente o fez. Ele não foi pego de surpresa pelo seu nascimento. De fato, ele esperava por ele. Deus nunca faz nada por acaso, e ele nunca comete erros. Ele tem uma motivo para tudo que ele criou.

“Muito antes de estabelecer as fundações da terra, Deus já nos tinha em mente, tendo nos escolhido como foco de seu amor.” Efésios 1:4a (MSG)

Por que Deus se importou em criar todo um universo para nós? Porque ele é um Deus de amor. Este tipo de amor é difícil de compreender mas é totalmente confiável. Você foi criado para ser um alvo especial do amor de Deus! Deus o fez você para que ele pudesse ama-lo. Esta é uma verdade sobre a qual você precisa edificar sua vida!
Tenha um bom dia !!

Uma vida com Propósitos – Dia 1

DIA 1 – TUDO COMEÇA COM DEUS

A questão não é você!

“Pois tudo, absolutamente tudo, nos céus e na terra, visível e invisível … todas as coisas começaram nele e nele encontram seu propósito.”Colossenses 1:16 (MSG)

“A vida de todas as criaturas está na mão de Deus, é ele quem mantém todas as pessoas com vida.” Jó 12:10 (TEV)

Você foi feito por Deus, e não o contrário, e a vida é sobre deixar Deus usá-lo para Seus propósitos, não para você usar Deus para seu próprio propósito. Focar em si mesmo nunca revelará o propósito de sua vida.

A forma mais fácil de descobrir o propósito de um invenção é perguntar o seu criador. Descobrir o propósito de sua vida funciona da mesma forma: pergunte a Deus.

Andrei Bitov, um romancista russo, cresceu sob um regime comunista e ateu. Mas Deus chamou sua atenção em um dia lúgubre. Ele recorda: “Aos 27 anos de idade, enquanto viajava no metrô de Leningrado, fui dominado por um desespero tão intenso que a vida pareceu parar de uma vez, anulando completamente o futuro e não deixando nenhum significado. De repente, uma frase apareceu por si só: Sem Deus a vida não faz sentido. Repetindo-a, assombrado, eu repassei a frase como em uma escada rolante, saí do metrô e caminhei para a luz de Deus”.

Você deve ter se sentido perdido a respeito do seu propósito na vida. Parabéns! Você está prestes a caminhar para a luz.

Mulheres como Diamantes

“Fiz como diamante a tua testa, mais forte do que a pederneira; não os temas, pois, nem te assombres com os seus rostos…”Ez 3:9

 

Na Palavra de Deus, o autor de Provérbios 31, citado recorrentemente em reuniões onde as mulheres são o alvo da ministração, nos diz que o valor da mulher virtuosa muito excede ao dos rubis.

Ele cita e relata os conselhos que a mãe do rei Lemuel lhe dá, trazendo alguns parâmetros do que é ser uma mulher virtuosa.

Comparado está o valor desta mulher aos das finas joias.

Todas nós mulheres buscamos insistentemente refletir esta mulher que o seu valor excede ao dos rubis.

Entre as gemas naturais, o rubi somente é ultrapassado pelo diamante, em termos de dureza. Até aqui já está de bom tamanho o valor que nos é dado por um homem, cuja paixão pelas mulheres é conhecida por todos. Não é segredo para ninguém as loucuras que ele se propunha para possuir os corações delas. O que acaba lhe dando crédito em relação ao assunto.

Mas no texto de Ezequiel 3:9 percebemos Deus declarando ao profeta que fez a fronte dele como o diamante, mais forte do que a pederneira. Isto nos faz refletir que se Salomão disse que o valor da mulher excede ao dos rubis, e que o rubi, no seu poder de dureza, é ultrapassado pelo diamante, podemos concluir que Deus nos fez fortes como o diamante. A força que possuímos e que muitas vezes desconhecemos vem do Senhor. Ela precisa ser descoberta e trabalhada por Ele.

Uma das traduções para a palavra que deu origem a palavra “diamante” é INVENCÍVEL.

Teríamos nós mulheres virtudes que nos deixariam invencíveis?

Um diamante natural pode ser confundido com um cascalho qualquer, porque se parece com ele.  Exceto por algumas pedras, todo diamante têm falhas internas, e só estará devidamente aproveitado em seu brilho quando for totalmente lapidado.

Se os diamantes são os mais resistente de todos os minerais de que se tem conhecimento; as pedras mais procuradas e apreciadas de todos os tempos; como seriam as mulheres que poderiam estar listadas num catálogo Mulheres como Diamantes?

Para estarmos relacionadas como diamantes é necessário que passemos de alguma forma pelo processo de talhe e corte, assim como ele passa.

É o processo de lapidação e polimento que nos dará a valorização, para que sejamos vistas como diamantes. É após o processo de modelagem que nos tornamos diferenciais mesmo em meio à multidão.

Existe mulher que está como os cascalhos. Ofuscada nos seus dissabores, a ponto de ser confundida e tratada como mero objeto, e, muitas vezes é jogada em qualquer lugar, sem ter o seu valor reconhecido.

Muitas desejam, ansiosamente, serem encontradas por alguém que desofusque seus sonhos e a sua alma.

Mas elas só encontrarão gozo na alma e no espírito, se, se permitirem ser lapidadas por Deus que é o sublime artesão. Com a sua habilidade Elelapidará e dará a elas nova vida.

 

Ser lapidada é ser tratada, talhada e gravada. É se tornar um diamante duro e reluzir o maior dos brilhos que alguém pode exibir. E este privilégio é para aquela que se humilha debaixo da onipotente mão de Deus, reconhecendo que saiu da profundeza da terra e necessita dos cuidados Dele.

Assim como no caso do diamante, só depois de lapidada é que o brilho e o valor dessa mulher são confirmados. Ela se torna como diamante e passa a ser vista com um olhar que alcança além do seu exterior

A mulher que tem a transparência do seu caráter refletida do seu interior, transmite externamente atitudes que lhe concede valores extraordinários.

Te sugiro a apressar-se em ver com lupas as oportunidades que despontam em sua vida. Faça escolhas com sabedoria e com coragem, porque

o habilidoso artesão, o Senhor, já tem um designer bem definido que combinará perfeitamente com o seu projeto de vida riscado e personalizado para cada uma de nós.

Como mulheres somos fortes e resistentes, porém caráter irrepreensível como o de Isabel, mãe de João Batista, só é adquirido com persistência e fé. Precisamos nos submeter à graça e força do nosso criador.

Deus tem as suas maneiras de nos purificar e ressaltar os nossos valores. De revelar ao mundo o grande tesouro escondido dentro de cada uma de nós mulheres.

Embora o processo de lapidação seja bastante doloroso, não podemos nos esquecer de que, é nele que Deus retirará as “inclusões” que impedem que a sua luz se manifeste em nós. Ao sermos trabalhadas pelo Senhor, ganhamos um brilho, que bem material algum, ou circunstância nenhuma pode provocar.

Ele nos vê como diamantes, encontradas cheias de defeitos, sem brilho, porém fortes e guardando no nosso interior valores incalculáveis.

Um diamante bruto, quanto mais cortes precisos sofre, mais brilho libera, e há áreas da nossa vida que estão gritando dentro de nós, para que sejam cortadas e assim valorizadas.

Desta forma, é necessário aceitar a proposta e deixarmos Deus criar em nós facetas tais, que só Ele na sua grandeza é capaz.

Muitas mulheres da Bíblia tiveram o seu brilho gravado na história e foram contadas como peças chaves, para a solução de problemas considerados insolúveis.

Mulheres ricas, outras pobres, algumas escravas, mas também algumas livres. Mulheres com ou sem nomes, inicialmente tendo ou não reputação, mas que marcaram épocas com os seus talentos e virtudes. Mulheres que tiveram suas vidas transformadas ou simplesmente transformaram a vida de outros, porque se sujeitaram aos tratamentos de Deus.

Você nasceu para brilhar e não pode se negar esse direito.

Mulheres como diamantes são mulheres “especiais”, que pela sua firmeza de caráter e de valores, se sujeitam a lapidação e são aprovadas. Elas estão preparadas para mobilizar e fazer acontecer grandes transformações no meio em que vivem.

Por causa da ousadia que possuem, lideram com segurança quebrando paradigmas com pulso firme e determinação.

Elas apreciam o calor humano, não permitindo que as pessoas sejam tratadas como meros objetos de interesse pessoal.

Vencendo preconceitos, que são intransponíveis para muitos, essas mulheresmotivam os seus filhos para um desenvolvimentomaterial, emocional e sobretudoespiritual. Os tornam dignos nas suas atitudes.

Quando esta mulher usando da sua coragem se deixa ser lapidada, ela consegue provar para o mundo, que a sua feminilidade não lhe nega força e capacitação.

Sua resistência nasce durante o período de sofrimento, por isso além de sua solidez aprende a estabelecernovas estratégias que a faztriunfar.

Ela entende que o cair é do homem, mas o levantar vem de Deus, e toma posse da palavra que diz que “é o Senhor que dá força ao cansado e multiplica a força daquele que não possui nenhuma”.

Então ela caminha e segue para o alvo mais forte. Deixa para traz a poeira que tentou ofuscar o seu brilho e desanimá-la.

Abigail, a conhecidíssima mulher de Nabal, encantou não somente a seu marido com seu brilho. Com sua sabedoria pacificadora, teve atitude determinante para preservar a vida de um povo. Este fato a fez brilhar e encantar o rei Davi, que a viu como um diamante e a tomou em casamento.

Por isso podemos afirmar que o brilho de Deus, nos tornam peritas em transformar situações de derrota em vitórias reluzentes.

A amargura não cria raiz em nosso coração, porque a alegria do Senhor, que é a nossa força,supretoda a nossa alma. Focamos o perdão e o perseguimos com determinação, compreendendo o quanto somos especiais, quando nos deixamos convencer do nosso valor.  Toda dor e desconforto a que somos submetidas, nos direcionam para o brilho da glória e da valorização.

Lembre-se que Deus te proveu de um coração que transforma a esperança em fé, e a sua determinação te levará às conquistas permanentes.

Você será considerada um diamante, se os homens ao contrário de olharem para partes isoladas do seu corpo, não resistirem ao fulgorque nasce do seu interior.

Reconheça a força que há em você e lute pelas causas de outras mulheres, pelas famílias e pela obra do Senhor.

Use as críticas como facetas que te darão oportunidade de brilhar ainda mais, ao se envolver com responsabilidade, não perdendo a ocasiãode ser instrumento de Deus.

A escolha entre ser mais uma pedra misturada e confundida com um cascalho, ou, a de se permitir ser lapidada e deixar o seu brilho sobressair, só você pode tomar. Mas parafraseando Mike Murdock quero te dizer… a mulher como diamante está disposta a ir onde nunca esteve para criar algo que nunca teve.

 

Força e brilho estão em nós, porque oSenhor nos fez como diamantes, mais fortes do que as pederneiras !

Pra. Alvani Miranda

Biografia: Casada com Pr. Antônio de Pádua Miranda, mãe de 05 filhos, desenvolve atividades na área da família desde 1995. Começou suas atividades como professora de escola bíblica infantil, chegando a assumir coordenação, quando Deus solicitou para um novo projeto com crianças, jovens e adultos de uma comunidade carente onde desenvolveu atividades sócioeducativas com acompanhamento também religioso. Ao descobrir seu chamado pastoral, iniciou seus preparos formando-se em teologia pelo Instituto Cristo para as Nações. Em 2003 foi ungida e consagrada a pastora pelo Pr. Jorge Linhares, e desde então vem sendo capacitada pela Universidade da Família, ministrando cursos como Mulher Única. Atualmente é pastora auxiliar do Ministério de Mulheres da Igreja Batista Getsêmani.

Provocando Nossos Milagres

Para você o que é uma “provocação”?
A pedagoga Michele Mello em um de seus livros ressalta que a mulher Sunamita, citada na bíblia, é uma “provocadora”.
Trazendo o conceito de PROVOCADORA, a autora diz: Alguém que desafia algo ou alguém, ou seja, é aquele que vai fazer acontecer aquilo que ele precisa.
No contexto do seu livro ela nos desafia a agir como a sunamita, e provocarmos  os  nossos milagres.
A autora nos estimula a  provocar a Deus, e fazê-lo se levantar do seu trono para nos conceder favores não merecidos. Assim como ela, o salmista no verso 26 do capítulo 44 pede a Deus que se levante em nosso auxílio, e nos resgate por amor das Suas misericórdias.
Não sei quantas de nós estamos precisando neste momento, de que o Senhor se levante a nosso favor, mas sei que se nos dispusermos para a peleja seremos vitoriosas. Nossa conquista nos garantirá o gozo ao alcançarmos o favor do Todo Poderoso.
Muitas vezes olhamos para os filhos  que não possuem um procedimento padrão, e ficamos desesperançadas sem saber o que fazer. Apesar de perseverarmos em oração, temos a sensação de que os seus inimigos os estão vencendo.

 Nosso desafio então é atrair a atenção de Deus para eles e para isso não podemos medir esforços.

Precisamos provocar os milagres em nossa família através da oração, que independente da nossa hesitação, Deus anseia por ouvir.
Quero te encorajar a lembrar de nossos filhos, estes que são propriedade pessoal de Deus. Eles são seus tesouros particulares e, que antes de sermos chamadas de “mães, as nossas heranças já eram chamadas de “filhos”, por Deus”. Essa lembrança nos encoraja e nos estimula a dobrar os joelhos em oração. 
Na nossa memória também deve estar a lembrança de que Mateus, o seguidor fiel de Jesus, registra em seu livro o momento em que Cristo se revela Senhor de todo o poder.  
Também devemos nos lembrar de Lucas que também fez um registro que não podemos de forma nenhuma deixar apagar de nossa memória. Ele deixou escrita a nossa garantia, de que o mesmo poder e autoridade que Jesus possuía Ele nos transmitiu quando disse: “Eis que vos dou poder para pisar serpentes e escorpiões, e toda a força do inimigo, e nada vos fará dano algum”. (Lc 10:19)

 

Nem toda a força  do adversário poderá vencer aquele que está guardado debaixo das orações de uma mãe, porque com ela está a maior autoridade existente nos céus ou na terra.  A promessa do senhor é de que “nada nos fará dano algum” e é nessa fé que devemos caminhar.
Os laços que tentam prender nossos filhos e os riscos que eles correm pelos venenos destilados por toda sorte de peçonha, precisam se deparar com o poder do altíssimo que conosco está.
Somos animadas através da palavra de Deus a seguir para o alvo.  Com a autoridade dada por  quem tudo pode, não temos que temer, e nem mesmo vacilar.
Se quisermos ver nossos filhos salvos, integrando a comunidade de “filhos de Deus” na face da terra, é urgente que nos coloquemos em intercessão por eles. Ou seja, é imprescindível que as necessidades dos nossos filhos sejam apresentadas diante de Deus através das orações.
Militaremos no espírito a favor daqueles que amamos, porque as armas da nossa milícia não são carnais, mas sim, poderosas em Deus para destruição das fortalezas.
“… Uma mulher de fé é incansável na esperança…” é o que diz a letra da música de Kleber Lucas, e traduz muito bem a postura de algumas mães que não desistem jamais.
 
Estamos rodeadas pelos exemplos de vida dessas mulheres, que não se deixaram ser levadas pelas dificuldades. Com elas aprendemos a estar diante dos comportamentos inadmissíveis dos nossos filhos buscando a direção de Deus, e, investindo com vigor para que suas histórias sejam transformadas.
A história da humanidade está recheada de exemplares femininos que deixaram seus legados, para que nos sirvam de esperança e incentivo. Espalhadas pelo mundo inteiro elas nos mostram que podemos correr a carreira que nos está preparada.
História como a de Agostinho, cuja influência exercida sobre grandes homens que marcaram o cristianismo, por todas nós é conhecida.
Mas a sua biografia não foi assinalada só pelo sucesso. Por ser um jovemcheio de talentos mal administrados, deixou sua capacidade intelectual o levar à soberba e a paixões desenfreadas. Por um longo período de sua vida ele se envolveu com a prostituição e com heresias religiosas da época.
Sua mãe Mônica, foi uma mulher de oração e um padrão a ser seguido por todas nós mulheres do século XXI. Ela não dava descanso aos seus  joelhos. Orava dia e noite na esperança de ver o seu filho livre de tanto pecado. Num dia já desesperada, procurou um bispo no anseio de que sob os conselhos do mesmo o seu filho

interrompesse com aquela rotina de vida promíscua. O final daquele encontro ficou carimbado com as palavras que lhe foram ditas pelo bispo. Ele a recomendou a seguir o seu caminho, pois seria 

impossível um filho se perder diante de tantas lágrimas e orações de uma mãe.
Outra mulher que também nos atrai a atenção é a esposa do pastor chinês Li De Xian. Alguns estrangeiros se aproximaram dela, e curiosos quiseram saber  o que ela pensava sobre as crueldades sofridas pelos cristãos chineses. Ela os surpreendeu dizendo que as perseguições os mantinham alertas para o fato de que eles estão em uma guerra espiritual constante. Acrescentou que a luta era diária e que eles conheciam os seus inimigos. Disse também que por causa disso os chineses, talvez estivessem mais preparados para lutarem pelos cristãos dos países chamados “livres”.
Vejo essas sábias palavras como um alerta para nós mulheres, que somos mães de filhos que se desenvolvem na chamada “nação livre”. 
É necessário refletir sobre a liberdade que os nossos filhos experimentam viver diariamente, bem como sobre as suas inevitáveis consequências.
Conscientes de que a nossa luta espiritual é diária, não podemos baixar a guarda em relação a eles. Podemos com os olhos da fé e encorajadas pelo espírito Santo, buscar

Deus mudanças que aos nossos olhos parecem impossíveis.

Entendendo o nosso papel como intercessoras e nos empenhando nele, gozaremos das delícias de poder também celebrar as conquistas inerentes a essas batalhas.
Deus tem nos feito mulheres guerreiras para respondermos ao seu chamado de vencer desafios. Se toparmos, veremos nossa história contada e os nossos filhos influenciando os que se encontram próximo a eles. Mas também podemos dizer não, e testemunharmos esses mesmos filhos sendo devorados pelos seus adversários.
Que lição nos deixou a mãe do evangelista Moody, quando não poupou lágrimas e orações diante de Deus, pelo filho! As orações incessantes de uma simples lavadeira, não só livrou a alma do seu filho da morte eterna, como também fez dele um referencial para muitas gerações.
Não podemos nos deter ao enfrentarmos as aparentes derrotas, e muito menos desistir da luta. Isto é o que Ruth Graham nos ensinou com seus atos de coragem. Esposa de um 
dos maiores evangelistas, ela passou por situações que pensamos que somente nós, mulheres sem rosto ou nome, encaramos. Franklin Graham, apesar de ser filho de um reconhecido e proeminente líder religioso, esteve afastado do evangelho trazendo apreensão para sua mãe, bem como para toda a sua família.

 

Mas a palavra de Deus diz que “… não temos que lutar contra carne e sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais” e sua mãe tomando posse desta palavra nos transmitiu um ensino prático: orar e esperar com paciência no Senhor. Por causa da oração de Ruth, nos dias atuais temos o privilégio de ouvir ministrações de Franklin Graham.
Essas mulheres guerreiras que não desistem dos seus sonhos, nos estimulam a perseguir os nossos alvos e não desistir até que os tenhamos alcançado. Elas nos mostram que as nossas aspirações devem ser caçadas insistentemente com radares.
Buscando a face do Senhor a favor dos nossos filhos, certamente eles encontrarão forças para enfrentar as pressões que lhe são impostas diariamente pelo mundo.
Na força e no poder do espírito Santo transporemos barreiras e frustraremos os planos de Satanás.  Caminharemos crendo que  Deus é poderoso para fazer tudo muito mais abundantemente, além daquilo que pedimos ou pensamos.
Pessoas que tem atitudes se diferenciam das demais”, e a nossa queridaSusanna Wesley é prova disto. Essa mulher tinha tudo para ser uma mãe sem nenhuma perspectiva, mas mudou o seu foco e se tornou um exemplar precioso para o mundo moderno.
Mesmo com tantas dificuldades que pareciam persegui-la, ela lutou com garra e correu atrás dos seus ideais como ninguém. 
Susanna foi um “molde” de mulher, que pode ser o nosso número. Creio que ele se encaixa muito bem em qualquer tamanho de mãe.
Sendo disciplinada, foi também disciplinadora, educadora e zelosa com seus filhos, e acima de tudo foi a mulher de oração. Suportou sofrimentos e fracassos como poucas de nós experimentamos.
Com seus ensinamentos e suas horas diárias na presença de Deus, Susanna Wesley encucou nos corações de seus filhos os verdadeiros valores divinos. Os ensinou na prática a verdadeira fé. 
Sua vida foi coroada de glória. Antes de ser recolhida pelo Pai, ela teve o privilégio de ver seu filho John Wesley ministrar a Palavra de Deus para grandes multidões. Susanna foi uma mulher gerou orgulho nos seus filhos e influenciou tantas outras gerações, inclusive a minha e a sua.
Seu sonho era ser espiritualmente uma luz  em sua nação. Mas o Deus que faz mais  do que pedimos ou pensamos, usou a sua maternidade para romper as barreiras familiares e até geográficas.  Por causa de Susana, os “Metodistas” são exemplo de um cristianismo sério, e graças as suas orações, pessoas do mundo inteiro foram também alcançadas.
As orações de mulheres como Susana, Ruth e, tantas outras que estão no anonimato, é que modifica o mundo. Estas mulheres de oração nos deixam legados e nos direcionam para caminhos de vitória.
Grandes homens da história cristã tiveram mães sem nomes ou rostos, mas com certeza elas tinham joelhos calejados e vozes roucas por causa dos seus incessantes clamores.
Mulheres de fé, que não abriram mão do poder que lhes foi dado por Jesus e que usaram dele para destruir os laços malignos, aniquilando as investidas  do reino das trevas, e jubilando pelas conquistas alcançadas na vida de seus filhos.
Contemplando Jesus Cristo, não olhamos com olhos naturais para as situações familiares que nos paralisam. Vemos em triunfo o futuro daqueles a quem Deus tem nos confiado em oração

 

“… Cala-te e sai dele. E o demônio, lançando-o por terra no meio do povo, saiu dele, sem lhe fazer mal”. Este texto nos mostra Jesus se dirigindo ao espírito maligno que estava em um jovem e ordena para que saia dele. O demônio não pôde resistir à presença e nem a ordem de Jesus e saiu sem lhe fazer mal.
Este exemplo clássico bíblico enuncia perfeitamente qual deve ser a postura de uma pessoa possuidora de fé. A autoridade usada por Jesus para libertar este jovem é a mesma que Ele concedeu a mim e a você, dando-nos pleno poder sobre toda a ação do inimigo. Ele nos faz compreender que a mulher que entende o seu privilégio como uma intercessora, usa do poder que lhe foi concedido. Ela é alguém que não abre mão de ser instrumento de bênção nas mãos do Senhor.
Quão maravilhoso é o poder deste Deus que é vivo e reina eternamente. Mesmo quando não sabemos exatamente qual a atitude a ser tomada, agimos pela fé, crendo que tanto o querer, quanto o realizar vem do Senhor.
Ele está esperando que nós façamos uso deste poder e nos posicionemos diante dos espíritos que atormentam os nossos filhos. Podemos frustrar os planos de Satanás através do nome de Jesus.

 

Mulher, o poder que opera em nós vem de Jesus Cristo, então não hesite, ore; interceda em nome d’Ele. Como  aquele espírito não resistiu e deixou o jovem de Cafarnaum, assim também será na vida do jovem do Brasil, da juventude da Suíça, do moço da Alemanha e da África, bem como da juventude de todos os lugares onde houver uma mãe clamando e pagando um preço de oração. 
A Bíblia nos garante que Deus não nos deu filhos para povoar o inferno, então não silencie. A sua voz tem o seu DNA e somente você é identificada por ela diante de Deus. Gaste um tempo na presença do Senhor e ore a favor de seus filhos. 
Ao romper a barreira do nosso silêncio, Deus moverá céus e terra para  responder as nossas orações.  “Seguiremos firmes e constantes sabendo que o nosso trabalho não é vão no Senhor” e que “… não militamos segundo a carne… porque as armas da nossa milícia não são carnais, mas, sim, poderosas em Deus, para destruição das fortalezas”. IICo 10:3-4
Lembre-se:…“Uma Mulher de Fé… Provoca seus Milagres… e faz o Deserto do Seu Filho Florescer…”.
Por:
Pra. Alvani Miranda
Casada com Pr. Antônio de Pádua Miranda, mãe de 05 filhos, desenvolve atividades na área da família desde 1995. Começou suas atividades como professora de escola bíblica infantil, chegando a assumir coordenação, quando Deus solicitou para um novo projeto com crianças, jovens e adultos de uma comunidade carente onde desenvolveu atividades sócioeducativas com acompanhamento também religioso. Ao descobrir seu chamado pastoral, iniciou seus preparos formando-se em teologia pelo Instituto Cristo para as Nações. Em 2003 foi ungida e consagrada a pastora pelo Pr. Jorge Linhares, e desde então vem sendo capacitada pela Universidade da Família, ministrando cursos como Mulher Única. Atualmente é pastora auxiliar do Ministério de Mulheres da Igreja Batista Getsêmani.

Há poder no nome de Jesus

“Até agora vocês não pediram nada em meu nome. Peçam e receberão, para que a alegria de vocês seja completa.” (João 16.24)

Quando você e eu nos apresentamos perante o trono da graça de Deus pedindo em fé, segundo a Sua Palavra e em nome de Seu Filho Jesus Cristo, sabemos que teremos as petições que fizermos a Deus. Não porque somos perfeitos ou dignos por nosso próprio mérito ou porque Deus nos deva alguma coisa, mas porque ele nos ama e quer nos dar o que precisamos para fazer o trabalho que Ele nos chamou a realizar.

Há poder no nome de Jesus. O simples de fato mencioná-lo faz com que cada joelho, no Céu, na Terra, ou abaixo da Terra, tenha que se dobrar (ver Filipenses 2.10). Pelo poder deste nome, você e eu podemos impor as mãos nos doentes e eles sararão; podemos expulsar demônios e eles fugirão, e fazer todas as mesmas obras que Jesus fez e até maiores do que essas para a glória de Deus (ver Marcos 16.17-18 e João 14.12).

Jesus adquiriu uma herança gloriosa para nós ao derramar o Seu sangue. Agora somos herdeiros com Ele (ver Romanos 8.17). Tudo o que Ele adquiriu com o Seu sacrifício está nos céus, guardado para nós. E nós temos as chaves deste depósito: a oração.

Não temos que viver com medo e falta. Vamos começar a usar essas chaves e abrir as portas para que as bênçãos celestes caiam sobre nós abundantemente para a glória de Deus, para que a Sua vontade divina seja feita na Terra como no Céu, e para que a nossa alegria seja completa.