Uma Vida com Propósitos – Dia 19

CULTIVANDO A COMUNIDADE

Comunidade exige comprometimento!

 

“Vocês podem desenvolver uma comunidade saudável e robusta que viva de acordo com Deus e desfrute os resultados se tão-somente derem conta da árdua tarefa de se relacionarem bem uns com os outros, tratando-se digna e honradamente.” Tiago 3:18 (MSG)

 

FORMAR UMA COMUNIDADE EXIGE SINCERIDADE. A verdadeira comunhão depende da franqueza. Na verdade, o túnel do conflito é a travessia para a intimidade em qualquer relacionamento. Até que vocês se importem o suficiente para confrontar e solucionar os obstáculos encobertos, jamais ficarão íntimos uns dos outros.

 

FORMAR UMA COMUNIDADE EXIGE HUMILDADE. Humildade não é pensar menos de si mesmo, mas pensar menos em si mesmo; humildade é pensar mais nos outros. Os humildes concentram-se de tal forma em servir os outros, que não pensam em si.

 

FORMAR UMA COMUNIDADE EXIGE CORTESIA. A verdade é que todos temos excentricidades e traços de temperamento irritantes, mas comunidade não tem nada que ver com compatibilidade. O fundamento para termos comunhão é nosso relacionamento com Deus: somos uma família.

 

FORMAR UMA COMUNIDADE EXIGE SIGILO. Somente em um ambiente seguro, onde houver um acolhimento carinhoso e sigilo confiável, as pessoas se abrirão e compartilharão suas maiores mágoas, necessidades e erros. Sigilo não significa ficar em silêncio enquanto seu irmã ou irmã peca, e sim saber que aquilo que for comentado no grupo ficará restrito ao grupo. O grupo precisa conviver com isso e evitar a fofoca.

 

FORMAR UMA COMUNIDADE EXIGE CONSTÂNCIA. Você deve manter um contato constante e regular com seu grupo, a fim de desenvolver a verdadeira comunhão. Relacionamentos exigem tempo.

 

Quando você olha a lista de características, torna-se evidente o motivo por que comunhão é tão rara. Mas os benefícios de dividir a vida com os outros suplanta grandemente os custos e nos prepara para o céu.

Uma Vida com Propósitos – Dia 18

TENDO UMA VIDA EM COMUM

 

A vida foi feita para ser partilhada.

 

“Cada um de vocês é parte do corpo de Cristo, e vocês foram escolhidos para viver juntos em paz.” Colossenses 3:15 (CEV)

 

Deus quer que vivamos juntos. A Bíblia chama essa experiência compartilhada de comunhão. Hoje em dia, entretanto, a palavra perdeu grande parte de seu significado bíblico. “Comunhão”ou “confraternização” hoje se refere normalmente a uma conversa casual, uma atividade social, comida e diversão. A pergunta “Onde você busca comunhão [congrega]?” significa “Qual a igreja você frequenta?”. “Ficar para a comunhão [confraternização]” normalmente significa “esperar pelo lance”.

 

A real comunhão significa muito mais do que apenas aparecer nos cultos. É ter a vida em comum. Ela inclui amar altruisticamente, compartilhar com transparência, servir nas necessidades práticas, ser generoso com o sacrifício de si mesmo, consolar compassivamente e todas as outras orientações “uns aos outros” encontradas no Novo Testamento.

 

O corpo de Cristo, assim como seu próprio corpo, é na verdade um conjunto de muitas pequenas células. A vida do corpo de Cristo, tal qual o corpo, está contida no interior das células. Por essa razão, todo cristão deve estar envolvido em um pequeno grupo dentro de sua igreja.; seja um grupo de comunhão nos lares, seja uma classe de escola dominical, seja um grupo de estudo bíblico.

 

A Bíblia diz, “Se, porém, andarmos na luz, como ele está na luz, temos comunhão uns com os outros […] se afirmamos que estamos sem pecado, enganamos a nós mesmos.”

1 João 1:7-8 (NCV)

 

O mundo pensa que a intimidade ocorre na escuridão, mas Deus diz que ocorre na luz. As trevas são usadas para esconder ferimentos, erros, medos, fracassos e falhas. Mas, na luz, nós os trazemos todos para um lugar aberto e admitimos quem realmente somos. Você foi criado para viver em comunidade.

Uma Vida com Propósitos – Dia 17

UM LUGAR AO QUAL PERTENCER

 

Você é chamado para participar, não somente para crer.

 

“Agora você […] são […] membros da própria família de Deus e cidadãos do país de Deus, e pertencem à casa de Deus com todos os outros cristãos.” Efésios 2:19b (BV)

 

Fomos criados para viver em comunidade, moldados para o companheirismo e formados para uma família; e nenhum de nós pode cumprir os propósitos de Deus sozinhos e sem ajuda. A Bíblia diz que fomos ajuntados, reunidos, juntamente edificados, combinados, mantidos juntos e que seremos juntamente arrebatados. Você não está mais por conta própria.

 

Embora seu relacionamento com Cristo seja pessoal, Deus nunca quis que fosse particular. Na família de Deus, você está unido a todos os outros irmãos e faremos parte uns dos outros por toda a eternidade. A Bíblia diz “Em Cristo nós, que somos muitos, formamos um corpo, e cada membro está ligado a todos os outros.” Romanos 12:5 (NVI)

 

A vida cristã é mais do que apenas um compromisso com Cristo, ela inclui compromisso com os outros cristãos. Os cristãos da Macedônia compreenderam isso. Paulo disse. “Primeiro, eles deram a si mesmos ao Senhor e depois, pela vontade de Deus, eles se deram a nós também.” 2 Coríntios 8:5 (TEV)

 

Você se torna cristão ao se comprometer com Cristo, mas se torna um membro de uma igreja ao se comprometer com um grupo específico de crentes. A primeira decisão traz a salvação, a segunda traz a comunhão.

Tenha um dia de vitória !!!

Uma Vida com Propósitos – Dia 16

– O QUE REALMENTE IMPORTA

Viver consiste em amar!

 

“Amor significa viver da maneira que Deus nos mandou viver. Como vocês ouviram desde o início, o seu mandamento é este: Viva uma vida de amor.” 2 João 1:6 (NCV)

 

Uma vez que Deus é amor, a lição mais importante que ele quer que você aprenda na terra é como amar. É quando amamos que somos mais parecidos com ele, de modo que o amor é o fundamento de todos os mandamentos que ele nos deu: “Toda a lei pode ser resumida neste único mandamento: ‘Ame aos outros como você ama a si mesmo’.” Gálatas 5:14 (BV)

 

É lógico que Deus quer que amemos a todos, mas ele se interessa especialmente por que aprendamos a amar as outras pessoas que fazerm parte de Sua família. Por que Deus insiste em devemos dar amor e atenção especial aos outros crentes? Porque Deus quer seu sua família seja conhecida pelo seu amor, mais do que por qualquer outra coisa. Jesus disse: “Esse profundo amor que vocês tiverem uns pelos outros provará ao mundo que vocês são meus discípulos.” João 13:35 (BV)

 

No céu desfrutaremos da família de Deus para sempre, mas primeiro temos algum trabalho duro para fazer aqui na terra, a fim de nos prepararmos para uma eternidade de amor. Deus nos educa dando “responsabilidades familiares”, e a principal é a prática de amarmos uns aos outros.

 

A melhor utilidade que pode se dar a vida é amar. A melhor expressão do amor é o tempo. O melhor momento de amar é agora.

Uma Vida com Propósitos – Dia 15

FORMADO PARA FAZER PARTE DA FAMÍLIA DE DEUS

Você foi formado para ser parte da família de Deus!

 

“Seu plano imutável sempre foi nos adotar para a sua própria família, trazendo-nos a si mesmo por meio de Jesus Cristo. E isso lhe trouxe grande prazer.” Efésios 1:5 (NLT)

 

Deus quer uma família, e criou você para ser parte dela. Toda a Bíblia é a história de Deus formando uma família para amá-lo, honrá-lo e reinar com ele para sempre. Quando colocamos nossa fé em Cristo , Deus se torna nosso Pai, nós nos tornamos seus filhos e os outros crentes se tornam nossos irmãos e irmãs; e a igreja se torna nossa família espiritual. A família de Deus inclui todos os crentes do passado, do presente e do futuro.

 

Nossas famílias na terra são maravilhosas dádivas de Deus, mas são temporárias e frágeis; freqüentemente rompidas pelo divórcio, a distância, a velhice e inevitavelmente a morte. No entanto nossa família spiritual – o nosso relacionamento com os outros crentes – irá continuar por toda a eternidade.

 

A Bíblia diz, “Jesus e as pessoas que ele santificou pertencem todos à mesma família. Por isso ele não se envergonhou de chamá-los irmãos e irmãs.” Hebreus 2:11 (CEV)

 

Deixe essa verdade maravilhosa penetrar em você. Você é parte da família de Deus, e, por Jesus tê-lo feito santo, Deus tem orgulho de você! Ser incluído na família de Deus é a maior honra e o maior privilégio que se pode receber. Não há nada que se compare. Sempre que você se sentir insignificante, desprezado ou inseguro, lembre-se daquele a quem você pertence.

Uma Vida com Propósitos – Dia 14

Orar Não é Fácil

Se é difícil separar um tempo e um lugar para estar com Deus, essa é apenas metade da batalha. A outra metade é saber como passar um tempo aproveitável e estar realmente na presença de Deus.

Muitos esperam que a intimidade, a oração e a adoração venham naturalmente, mas a maioria das pessoas, mesmo que tenha uma vida renovada pelo Espírito, enfrenta dificuldades na vida devocional e não está satisfeita com seu progresso.

Dizer que orar é tão fácil quanto conversar com papai e mamãe pode prejudicar e desorientar aqueles que querem estabelecer um relacionamento mais profundo com Deus, desanimando-os quando percebem que, para eles, não é tão fácil assim. O progresso, às vezes, pode ser de uma lentidão enervante e frustrante, levando-os ao abandono de tal prática.

A todos, foi dada a capacidade, mas não da mesma maneira nem na mesma medida. A graça oferece um leque ilimitado de possibilidades desde o zero até o infinito. Não existe uma receita universal, mas um aprendizado de uma vida inteira. Uma relação pessoal de amizade com Deus não cabe num molde a ser reproduzido, e cada um encontrará o próprio ritmo, intensidade e modelo.

Hoje é dia de exercer esta intimidade,vamos orar ?? Tenha um bom dia.

Uma Vida com Propósitos – Dia 13

 

DIA 13 – A ADORAÇÃO QUE AGRADA A DEUS

Deus quer você por inteiro!

 

“Ame o Senhor, o seu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma, de todo o seu entendimento e de todas as suas forças.'” Marcos 12:30 NVI

 

Deus não quer apenas uma parte de seu coração. Deus não está interessado em um comprometimento tímido, em uma obediência parcial, ou em sobras de seu tempo e dinheiro. Ele deseja sua total devoção, e não pequenos pedaços de sua vida.

 

Uma mulher samaritana certa vez tentou ponderar com Jesus sobre o melhor momento, lugar e forma de adorar. Jesus respondeu que essas questões externas não tinham importância. Onde você adora não é tão importante quanto por que você adora e o quanto de si mesmo você oferece a Deus quando adora.

 

O tipo de adoração que agrada a Deus tem quatro características:

 

– Deus se agrada quando nossa adoração é precisa.

 

– Deus se agrada quando nossa adoração é autêntica.

 

– Deus se agrada quando nossa adoração é atenta/consciente..

 

– E Deus se agrada quando nossa adoração é prática.

 

Quando Jesus disse, “Ame a Deus com todas as suas forças” ele chamava a atenção para o fato de que adorar exige esforço e energia. Nem sempre é conveniente ou confortável, e algumas vezes a adoração é um mero ato de força de vontade – um sacrifício voluntário. Quando você louva a Deus, mesmo sem vontade, quando sai de sua cama para adorá-lo estando cansado ou quando você ajuda os outros estando esgotado, você está oferecendo um sacrifício de adoração a Deus. Isso agrada a Deus.

Uma Vida com Propósitos – Dia 12

DESENVOLVENDO SUA AMIZADE COM DEUS

 

Você está tão perto de Deus quanto escolher estar!

“Aproximem-se de Deus, e ele se aproximará de vocês!” Tiago 4:8 (NLT)

A exemplo de qualquer amizade, você deve se esforçar para desenvolver sua amizade com Deus. Isso não acontecerá por acidente. É necessário querer, ter tempo e energia.

O primeiro elemento fundamental de uma amizade mais profunda com Deus é ser absolutamente sincero – a respeito de suas falta e sentimentos. Deus não espera que você seja perfeito, mas insiste em que você seja absolutamente sincero. Todas as vezes que você confia na sabedoria de Deus e faz tudo o que ele diz, mesmo sem compreender, você aprofunda sua amizade com ele.

Normalmente não consideramos a obediência como característica da amizade; ela é reservada para o relacionamento com pai, chefe, ou oficial superior, não um amigo. Entetanto, Jesus deixou claro que a obediência é uma condição para obter intimidade com Deus. Ele disse: “Vocês serão meus amigos, se fizerem o que eu lhes ordeno.” João 15:14 (CEV)

Não há nada – absolutamente nada – mais importante do que desenvolver uma amizade com Deus. Paulo disse a Timóteo: “Algumas destas pessoas perderam a coisa mais importante da vida – elas não conhecem a Deus.” 1 Timóteo 6:21a (BV)

Você perdeu a coisa mais importante da vida? Você pode fazer algo a respeito disso a partir de agora. Lembre-se: a escolha é sua. Você está tão perto de Deus quanto escolher estar.

Bom dia ! O amigo de Deus  é vencedor  .

Uma Vida com Propósitos – Dia 11

TORNANDO-SE AMIGO DE DEUS

Deus quer ser o seu melhor amigo!

 

“Eu lhes ordeno que se amem uns aos outros como Eu amo a vocês. E esta é a maneira de medir o amor – o maior amor é demonstrado quando uma pessoa entrega a vida pelos seus amigos; e vocês são os Meus amigos, se Me obedecerem.” João 15:12-14 BV

 

O seu relacionamento com Deus tem muitos variados aspectos: Deus é o seu Autor e Criador, Senhor e Mestre, Juiz, Redentor, Pai e muito mais. Porém a mais espantosa verdade é esta: o Deus todo-poderoso anseia por ser seu amigo!

 

Ter amizade com Deus só é possível por causa da grace de Deus e do sacrifício de Jesus. Tudo isso é feito por Deus, o qual, por meio de Cristo, nos transforma de inimigos em amigos dele. Um antigo hino diz “Quão bondoso amigo é Cristo:, mas na verdade Deus nos convida a desfrutar da amizade e da companhia das três pessoas da Trindade: nosso Pai, o Filho e o Espírito Santo.

 

Jesus disse, “Já não os chamo servos, porque o servo não sabe o que o seu senhor faz. Em vez disso, eu os tenho chamado amigos, porque tudo o que ouvi de meu Pai eu lhes tornei conhecido”. João 15:15 (NVI)

 

A palavra utilizada para “amigo” nesse versículo não significa uma relação superficial, mas um relacionamento íntimo e de confiança. A mesma palavra é usada para se referir ao padrinho de casamento e ao círculo de amigos íntimos e de confiança de um rei. Em uma corte real, os servos devem manter distância do rei, mas o círculo de amigos de confiança desfruta de proximidade, acesso direto e informações confidenciais. Conhecer e amar Deus é o nosso maior privilégio, e sermos conhecidos e amados é o maior prazer de Deus. Desejo um dia de paz !!

Uma Vida com Propósitos – Dia 10

A ESSÊNCIA DA ADORAÇÃO

A essência da adoração é a rendição!

 

“Portanto, meus irmãos, por causa da grande misericórdia divina, peço que vocês se ofereçam completamente a Deus como um sacrifício vivo, dedicado ao seu serviço e agradável a ele. Esta é a verdadeira adoração que vocês devem oferecer a Deus. Quando você pensa no quanto ele tem feito por você, é muito o que lhe é pedido?” Romanos 12:1 (NLT)

 

Na civilização competitiva de hoje, somos ensinados a nunca desistir ou ceder – logo não ouvimos falar muito de rendição. Se vencer é tudo, rendição é inconcebível. Preferimoscontar sobre vitórias, sucessos, triunfos e conquistas, a falar da complacência, submissão, obediência e rendição. Mas render-se a Deus é a essência da adoração.

 

Quando Josué se aproximou na maior batalha de sua vida, ele deparou com Deus, prostrou-se em adoração perante ele e rendeu-lhe os seus planos. Tal rendição levou a uma esmgadora vitória em Jericó. Este é o paradoxo: pela rendição veio a vitória.

 

Nada é mais poderoso do que uma vida entregue nas mãos de Deus. “Portanto entreguem-se inteiramente a Deus.”